7.7.12

Está na hora de mudar. Mudar as minhas atitudes, a minha maneira de ser, a minha impulsividade, o facto de não me querer aproximar de ninguém. É tempo de esquecer. Esquecer quem me magoa, quem não luta por mim, quem não me faz feliz, quem não está “nem aí” para mim, quem não me quer. É tempo de conhecer coisas novas, pessoas novas, novos espaços, novas músicas, novos pormenores. É tempo de voltar a acreditar no amor. É tempo de esquecer tudo e pensar que me vou voltar a apaixonar. Está na altura de fazer uma mudança radical. “Apagar” os erros cometidos e todas as tristezas. É também tempo de ser menos ciumenta, de ter menos medos, de arriscar mais. A vida é feita de escolhas, e eu garanto que eu vou passar a amar e a ter orgulho de uma pessoa: EU :)

6 comentários:

Patrícia disse...

adorei :)

Nina disse...

Ana,
ter amor próprio é, antes de tudo, uma conquista valorosa e pessoal. É à partir daí que passamos a amar outros.
Parabéns pela decisão de mudar. E não se esqueça do principal: agir.

Mariana * disse...

É MESMO esse o espírito!

Anônimo disse...

Nunca pensei passar aqui e escrever isto, nunca mesmo. A verdade é que a nossa vida é feita de mudanças, e nem sempre elas são boas. Talvez tivéssemos criado mais problemas do que os que eram precisos entre nós, mas wtvr, o que está feito, feito está. Como deves calcular, não vivemos assim num sitio tão grande quanto isso, tudo se sabe, e por pessoas que sempre estiveram aí, prontas para te apoiar quando tu davas "trela" e desculpa a expressão, mas que são uma merda e que à primeira oportunidade te espetam não só uma facada nas costas, como fazem com que todos o façam. Devias conhecer melhor as pessoas com que te dás e não dares assim logo tanta confiança, porque um dia vais-te aperceber que podes confiar em toda a gente, mas diferentes coisas, tu és sem dúvida boa demais para algumas pessoas e elas, não só te têm na mão e brincam contigo, como por trás falam mal de ti, não vale a pena dizer nomes porque tu certamente sabes de quem falo e do que falo. Isto não é para te deitar a baixo acredita, é simplesmente para abrires os olhos, e cagares, porque tu não precisas de quem te deixa, mas quem te deixa um dia vai precisar de ti, e já foste "burra" em ter dado várias oportunidades antes, vê lá não caias no mesmo erro e aprende de vez miúda! Vais ser muito mais feliz e bem sucedida sem essas pessoas.
Não vale a pena assinar, se pensares um bocadinho talvez lá chegues *

Anônimo disse...

A verdade é que não estamos assim tão perto e eu consigo-me aperceber, por isso vê tu bem aos pontos que isto já chegou. Não deixes que ninguém te deite a baixo, a sério porque isso é das piores coisas, mas das piores mesmo. Já te disse no tumblr quem sou, mas assino na paz. Leonor Algarvio, e se vierem aqui certas pessoas criticar por eu comentar e por dizer o que disse, só tenho uma coisa a dizer, haters gonna hate *

Ana Jesus disse...

Descança, duvido que alguém veja isto :)
Eu removi o meu comentário anterior porque como já tinhas dito quem eras no tumblr, pensei que já aqui não viesses responder. É muito estranho isto tudo, mas a verdade é que conseguiste dizer tudo e tão bem dito, ouve estás a ser incrivel agora!*